sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Reflexões sobre o final de Cheias de Charme

Posted by   on

Até que a novela das sete da Rede Globo acertou em muitos pontos: uma trama leve, divertida, que agradou crianças e adultos através do universo musical, que desperta a curiosidade de todos. Com participações de artistas famosos, personagens e músicas populares, esperava-se muito do último capítulo, que não decepcionou os fãs, foi bem divertido ... se bem que todo fim de novela é previsível: a mocinha sempre termina com o mocinho que conheceu no primeiro capítulo...
Tentei acompanhar a novela porque gostei da ideia de uma trama que mostrasse o universo da música brasileira. E de todos os personagens, o meu preferido foi o cantor Fabian, que apesar de ser um grande estereótipo com seus trejeitos exagerados à lá Jhonny Bravo, ganhou a minha aprovação por demonstrar ser uma pessoa centrada na carreira, muito profissional e ético, porém, infelizmente, vitimado pelo empresário e outros problemas pessoais, que lhe renderam um final meio decepcionante, na minha opinião... já que perdeu a popularidade, os patrocinadores e praticamente toda a carreira, restando apenas um recomeço insoso cantando em lugares pequenos para o público infantil.
No lado afetivo, durante toda a novela, Fabian apenas engatou um romance fictício com Cheyenne (por estar sendo chantageado) e tentou conquistar a protagonista Rosário. Logo, não havia "candidata" ao coração do artista no último capítulo, já que a mocinha sempre termina com o mocinho. No último dia da novela, Fabian voltou ao romance fictício com a ex vilã Cheyenne, que se confessou apaixonada pelo empresário (seu par romântico de toda a trama).
Fico pensando que existem pessoas como o Fabian. Que são excelentes no que fazem, porém simplórias, e acabam sendo enganados por pessoas inexcrupulosas. Que caem, levantam com humildade e com sorriso no rosto. Que apesar de serem excelentes, não encontram um grande amor. Que realizam todos os sonhos, mas a gente sempre fica achando que lhes falta algo... 
Tomara que os "Fabians" da vida real tenham mais sorte do que o fictício... e fica aqui o reconhecimento ao trabalho de Ricardo Tozzi, que deu um show de interpretação em dois personagens tão diferentes ao mesmo tempo, o cantor e o seu sósia Inácio (par de Rosário)!

Nenhum comentário:
Escreva comentários

O que você tem a dizer sobre isso??

Estamos no Twitter, é só seguir - http://twitter.com
Receba nossa Newsletter