quinta-feira, 7 de abril de 2011

Feliz Dia do Jornalista (e com bolo!)

Posted by   on

Hoje é comemorado o Dia do Jornalista, data escolhida em homenagem a João Batista Líbero Badaró, profissional que morreu assassinado por inimigos políticos em 07 de abril de 1830, em uma passeata de estudantes em São Paulo, SP, que comemoravam os ideais libertários da Revolução Francesa.

Durante todo o dia acompanhei via Twitter e afins felicitações pela data entre os colegas, onde a maioria pedia agrados, press kits e jantares como prêmio. Também li muitas indiretas (e diretas!) sobre a tão falada obrigatoriedade de Diploma para o exercício da profissão. A maioria, mensagens postadas por estudantes, pois os que estão no mercado deviam estar mesmo eram cheios de serviço, e com pouco prazo para entregar tudo pronto...

Desde que comecei a exercer, tenho percebido uma aversão a condição de Provisionado, por parte dos Graduados. Não tiro o mérito de quem deu duro pra cursar uma faculdade, e acho mesmo que merecem todas as honras, mas e a gente que atua no interior, onde não existem boas oportunidades, condições de trabalho, plano de carreira ou possibilidades de Graduação?? Será que nosso esforço em levar notícias locais à população das cidades pequenas também não deve ser visto com bons olhos?? Afinal, tenho certeza que nenhum diplomado aceitaria trabalhar nas mesmas condições que já enfrentei, e a duras penas, tenho a certeza de ter realizado um trabalho que não deixa nada a dever o dos amigos Graduados. Estudei faculdade sim, de Administração, no Município onde moro, e teria estudado Jornalismo se tivesse condições de me mudar para a capital. Mas como, mudar e largar o emprego, indo para uma cidade desconhecida e sem grandes referências, nem de emprego na minha área, nem em Jornalismo... de que me adiantaria tanto esforço, se não aumentaria meu salário nem melhoraria as condições de trabalho da minha cidade??

O que Jornalista precisa, Provisionado ou não, é de boas condições de trabalho e salário. Carteira assinada e jornada de trabalho justa. Pagamento de bons valores para freelas. E no caso dos que exercem no interior, oportunidade para serem correspondentes na cidade onde residem, com assinatura na matéria veiculada e pagamento por produção. Mas aí, pode ser uma questão de gestão, ou seja, a maneira como é gerenciado o Jornalismo dentro das empresas de comunicação. Competência de Administrador...

Independentemente de direitos/deveres e competências, quero deixar um forte abraço a todos os colegas, sem exceção: sejam Provisionados, Graduados, Pós Graduados, ou Estudantes idealistas, todos temos em comum o amor por contar histórias. Escolhi a imagem deste bolo jornal, do blog Godda Love Cakes, como forma de carinho... uma graça, não??

Nenhum comentário:
Escreva comentários

O que você tem a dizer sobre isso??

Estamos no Twitter, é só seguir - http://twitter.com
Receba nossa Newsletter