domingo, 3 de outubro de 2010

Espera na travessia de balsa na PA-151

Posted by   on


Há um ponto da PA 151, mais exatamente na cidade de Igarapé-Miri, na parte da estrada que dá acesso às cidades de Mocajuba, Baião, Cametá, Limoeiro do Ajuru e Oeiras, onde é necessário que os veículos atravessem um pequeno trecho de rio, com o auxílio de uma balsa, que faz o percurso de uma margem a outra em horários determinados. Porém, imagine isso em dias de grande fluxo de veículos, como feriados... resultado: longas filas de carros e muita espera, pessoas se abanando com leques improvisados, vendedores de diversos tipos de lanches sem a menor garantia de higiene tentando ganhar uns trocados, donos de veículos arrastando os carros na fila para evitar o gasto de combustível, em uma estrada cercada de mato e lixo, sem informações de auxílio em caso de problemas com veículo, sem ao menos bancos para se sentar, exceto os improvisados pelos donos das poucas biroscas as margens do rio. Na falta do que fazer, passageiros e motoristas fazem lanches ou se embebedam com cerveja em lata vendida (e muito cara) pelas já citadas biroscas...
Agora, imagine ficar parado neste cenário por mais de duas horas, em mais de 1 kilômetro de engarrafamento. Foi o que aconteceu comigo ontem, ao tentar voltar de Belém para Cametá, para votar neste domingo. Saí da capital às 14h30min, cheguei em casa às 21h45min, sendo que o horário de chegada em média é às 18 horas... viagem que já é naturalmente demorada, devido ao fato de que, ao completar o percurso de terra até a localidade de Carapajó, é necessário atravessar de barco para a sede do Município... o que demora cerca de uma hora.
Fome, cansaço, mal humor... e um sábado perdido. Faltei a compromissos por causa de toda essa demora, fiquei com febre e mal estar por toda a noite e no dia seguinte. Será que tudo isso influenciou meu voto e o de todas aquelas pessoas que ficaram "presas" na travessia?? Vamos saber mais tarde no resultado das urnas...

Nenhum comentário:
Escreva comentários

O que você tem a dizer sobre isso??

Estamos no Twitter, é só seguir - http://twitter.com
Receba nossa Newsletter